Roger Responde 102 – Período Transição Planetária

102 – Pergunta (28/11/2011): Boa tarde, Roger. Estou lendo seus livros e estou impressionada com as transformações que estão ocorrendo em meu íntimo após as leituras. Estou acostumada com a literatura espírita e posso dizer que o seu trabalho realmente é revolucionário e definitivamente derrama luz sobre as trevas. As suas mensagens enfatizam muito a nova era e a reencarnação sistemática dos espíritos que estão compromissados com a mudança que ocorrerá na Terra no terceiro milênio, após o período de transição em que estamos vivendo. Segundo as informações, estes espíritos já estão encarnando para começar o seu trabalho desde já, dentro do período de transição. Isso está muito claro. Aí eu penso… E nós? Nós que já estamos aqui há mais tempo (os que já estão nos 40 e além, por exemplo), como ficaremos? Não existe mais tempo pra nós? Esses ensinamentos maravilhosos que chegaram até nós desde o ano 2.000 e que estão abalando nossas estruturas … Já é tarde? Só os que estão chegando agora terão uma chance? Estou confusa com isso…
Ninguém sabe até quando permanecerá na Terra…nascimentos e desencarnações acontecem a cada minuto…aqueles que não ficarão já estão sendo transferidos para o novo planeta… os que estão nascendo mudarão a Terra. Todos terão uma chance? Você pode me esclarecer?

Roger: Obrigado pelo apoio ao nosso trabalho. Ajude-nos a divulgá-lo para que ele tenha um maior alcance. Infelizmente nosso universo de leitores ainda é muito restrito, devido a ser um trabalho independente e sem apoio direto de alguma religião específica. Como tu mesmo afirmaste, são informações importantes que precisam chegar a um número maior de pessoas para que elas tenham a consciência de optar ou não por sua transformação em busca da luz. Entramos na “era” da evolução espiritual consciente. Portanto nossa tarefa reside em mostrar o caminho; trilhá-lo ou não, depende da escolha de cada um.

Sobre a tua preocupação com relação a “chance de manter-se na Terra” da geração que antecede a chegada das crianças ditas “índigos”, não existe problema algum . Nós somos os “trabalhadores da última hora”. Estamos aqui nessa encarnação tendo a nossa última oportunidade de nos colocarmos à direita do Cristo. E isso que é realmente importante. Muitas das crianças que estão nascendo agora também ainda não estão eleitas para viver na terra do terceiro milênio. Estão, também, tendo a sua última oportunidade para conquistarem os valores da alma necessários para viver no novo ciclo de evolução da Terra.

Desde 1975 estão encarnando mais intensamente na Terra espíritos eleitos, mas ainda não são exclusivamente eles que tem nascido. Muitos espíritos endividados ainda estão voltando mesmo nos dias atuais. Por isso ainda vemos crianças demonstrando péssima índole, pois são espíritos ainda distanciados desses valores e provavelmente serão exilados para o mundo de ordem inferior que será a nova escola dos rebeldes, caso não revertam suas tendências inferiores. Da mesma forma, espíritos missionários tem descido à Terra em todas as décadas dos últimos cem anos. O que mudou é que durante a segunda guerra mundial 95% dos que reencarnavam eram espíritos endividados. Agora essa proporção está se invertendo. Na década de 2050 serão 95% de eleitos contra 5% de devedores reencarnando. Esse é o processo gradual de transição da Terra de um mundo de expiações e provas para um mundo em regeneração espiritual, tão apregoado por toda a literatura espiritualista.

E até que por volta do ano 2075 a Terra terá terminado esse período de transição para a Nova Era. A partir dessa data reencarnarão na Terra somente os eleitos. Almas sinceramente engajadas na busca de sua regeneração espiritual e conscientes do real objetivo da vida. Por enquanto, estamos todos no mesmo barco, eleitos e aqueles que ainda buscam o ingresso para a nova era. Por isso afirmo que o que importa é amarmos ao nosso próximo como a nós mesmos e buscarmos termos consciência espiritual. Se nos elegermos para ficarmos na Terra no terceiro milênio, ótimo. Caso contrário, chegaremos no novo mundo que nos servirá de escola já com um importante avanço na conquista dos valores espirituais tão necessários para vencermos nossas imperfeições. E talvez sejamos lá os espíritos maduros que começarão a transformar aquele mundo em um palco de luz para que a obra de Deus atinja seu objetivo em todo o Universo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *