Tag Jesus

Não julgueis, para não serdes julgados!

Caríssimos amigos de estrada, iniciamos a nossa reflexão da semana com a seguinte passagem do Evangelho:

“Não julgueis, a fim de não serdes julgados; - porquanto sereis julgados conforme houverdes julgado aos outros; empregar-se-á convosco a mesma medida de que vos tenhais servido para com os outros.” (S. Mateus 7:1 e 2)

No momento em que impregnamos nossa mente e coração com o desejo de evoluir, de mudarmos a nossa conduta para melhor, irradiamos conhecimento seguido de bons exemplos a todos que nos cercam. Se queremos evoluir, precisamos perder o velho hábito de julgar os outros. Mesmo que a crítica e o julgamento cheguem junto com a vontade de auxiliar o próximo, lembremos que antes de ajudar alguém, precisamos começar por nós mesmos. Nossa forte tendência em analisar e resolver os problemas dos outros, pode, por vezes, nos mostrar o quanto nos falta tempo e dedicação para melhorarmos a nós mesmos e para resolvermos os nossos próprios problemas.

Um caminho importante a seguir para enxergarmos melhor nossa conduta é a busca pelo conhecimento espiritual. Depois que o adquirimos podemos começar a colocá-lo em prática e isso caberá a cada um, individualmente, de acordo com as oportunidades que surgem durante o dia-a-dia. Todas as situações cotidianas são provas que recebemos para colocarmos o nosso conhecimento em prática, para que vejamos o que nós mesmos temos a melhorar, para evoluir diante de cada situação e não analisar os equívocos dos outros.

É necessário que julguemos menos os nossos semelhantes e passemos a apontar as análises para nós mesmos, não em nível de cobrança, mas a fim de autoconhecimento e reforma íntima. Todos os seres humanos acabam passando pelos mesmos problemas e privações, apesar de elas estarem revestidas através das “capas sociais”. Se analisarmos, as aflições são sempre as mesmas, guardando as devidas proporções. Os desvios de conduta moral e corporal, nada mais são do que os vícios do corpo e da alma, que são as privações pelas quais todos temos que passar, até que aprendamos a trocá-las por virtudes e bons hábitos, chegando a ascese espiritual.

“Atire-lhe a primeira pedra aquele que estiver isento de pecado”, disse Jesus. Essa sentença faz da indulgência um dever para nós outros, porque ninguém há que não necessite, para si próprio, de indulgência. Ela nos ensina que não devemos julgar com mais severidade os outros, do que nos julgamos a nós mesmos, nem condenar em outrem aquilo de que nos absolvemos. Antes de profligarmos a alguém uma falta, vejamos se a mesma censura não nos pode ser feita. (Evangelho Segundo o Espiritismo, pág 191)

Convidamos a todos para fazermos essas análises e refletirmos a fim de que enxerguemos o quanto todos nós, que estamos na terra, nos assemelhamos, se analisarmos nossas reais fraquezas. Cada vez que enxergarmos um defeito moral, uma atitude errônea ou um mau hábito em alguém, tentemos analisar em que aquilo se assemelha as nossas atitudes já realizadas, a nossa forma de agir e nos hábitos que ainda possuímos.

Esperamos que todos consigam realizar esses exercícios, que serão excelentes para que possamos dar um salto em nossa reforma moral, transferindo, automaticamente, esses novos aprendizados para as mudanças de hábitos. Toda pequena mudança, sem dúvida, irá refletir em todos que estiverem a nossa volta, auxiliando assim, os que já estiverem prontos para iniciar a sua própria reforma moral, incentivados, simplesmente, por nosso exemplo. Não é lindo?

Vibremos para que consigamos desenvolver a nossa evolução pelo amor, sem precisar que coisas ruins aconteçam para que comecemos a nos transformar para melhor. Tenhamos a certeza de que temos todo o amparo necessário do plano espiritual, que segue cada passo de cada um que está tendo a oportunidade de fazer a diferença na construção de um mundo melhor, justamente, por já estarmos despertos para a vida real.

Paz e luz e a todos!!!

Vibração Coletiva (12/09/2018) – Não julgueis, para não serdes julgados!

Não julgueis, para não serdes julgados! Caríssimos amigos de estrada, iniciamos a nossa reflexão da semana com a seguinte passagem do Evangelho: “Não julgueis, a fim de não serdes julgados; – porquanto sereis julgados conforme houverdes julgado aos outros; empregar-se-á convosco a mesma medida de que vos tenhais servido para com os outros.” (S. Mateus

Continue Lendo →

Vibração Coletiva (04/04/2018) – A Ressurreição de Nossas Consciências

A Ressurreição de Nossas Consciências Amados irmãos de caminhada! Hoje convidamos a todos a concentrarmos nossas atenções para a comemoração que chamamos de Páscoa. A Páscoa celebra a ressurreição de Jesus Cristo e, já que pouco lembrada em favor dos chocolates e coelhinhos, poderíamos aqui nos ater a questões como a inversão de valores da

Continue Lendo →

Vibração Coletiva (20/12/2017) – Natal de Luz

Natal de Luz Amados irmãos, encontramo-nos no final de mais um ano, e com ele deparamo-nos com as festividades relativas a esse período de sublime oportunidade. É tempo de refletirmos, revermos atitudes e nos conectarmos com nossos princípios e motivações, renovarmos nossa fé e modificarmo-nos internamente. Nessa semana, através do Natal, celebramos o nascimento de

Continue Lendo →

Vibração Coletiva (21/12/2016) – Natal de Luz!

Natal de Luz! Amados irmãos, encontramo-nos no final de mais um ano, e com ele deparamo-nos com as festividades relativas a esse período de sublime oportunidade. É tempo de refletirmos, revermos atitudes e nos conectarmos com nossos princípios e motivações, renovarmos nossa fé e modificarmo-nos internamente. Nessa semana, através do Natal, celebramos o nascimento de

Continue Lendo →

Roger Responde 269 – Jesus evoluiu em linha reta ou cometeu deslizes em sua jornada como todos nós?

269 – Pergunta (25/05/2015):  Bom dia, no livro O consolador pelo Espírito: EMMANUEL, médium: FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER, consta a seguinte pergunta: 243 –Todos os Espíritos que passaram pela Terra tiveram as mesmas características evolutivas, no que se refere ao problema da dor? -Todas as entidades espirituais encarnadas no orbe terrestre são Espíritos que se resgatam

Continue Lendo →

Roger Responde 263 – Jesus existiu? A história de Jesus e suas “coincidências” com a mensagem de outros avatares, tais como concepção virginal, subir aos céus com seu corpo…

263 – Pergunta (16/03/2015):  Olá, Roger! Esta noite acordei (acho que foi por volta das 4h00) com um pensamento estranho. Tipo, como o Brasil está sendo manipulado pela mídia no caso Petrobrás e as verdadeiras intenções por trás disso tudo… Hoje vejo no Facebook (Compartilhei) um post sobre as misteriosas mortes dos 3 jornalistas americanos

Continue Lendo →

Roger Responde 206 – Judas era um traidor? Jesus o persuadiu a cometer traição?

206 – Pergunta (25/11/2013): Oi Roger, frequentemente se fala em “discípulo traidor” quando se toca no nome Judas Iscariotes. Sempre relutei em admitir as teorias dele trocar a vida do Rabi por 30 moedas de ouro meramente movido por ganância pessoal, pois acho simplesmente que ele foi infantilmente iludido pelo sinédrio. Na verdade imagino que

Continue Lendo →

Roger Responde 195 – Explicação mais detalhada sobre a natureza de Jesus e o Cristo Planetário da Terra.

195 – Pergunta (09/09/2013): Roger, primeiramente muito obrigada por nos esclarecer com seus livros. O meu questionamento é a respeito de Jesus Cristo, que segundo você faz parte do Cristo planetário, e que por fazer parte do Cristo planetário teve uma trajetória diferenciada. Tenho também uma conhecida que leciona no curso da doutrina espirita e

Continue Lendo →

← Previous Page