Vibração Coletiva (25/09/2019) – Esperança

Esperança

No momento atual, em que vivenciamos tantas incertezas, dias de apreensão quanto ao futuro das nossas vidas, nossas famílias, mudanças climáticas, mudanças no cenário econômico e político nos transportam para um mundo paralelo onde imperam a desesperança e a dúvida quanto ao nosso futuro. Será venturoso? É previsível? Teremos segurança? Teremos o alimento nosso de cada dia? E o dinheiro para manutenção da vida? Teremos conforto? Nossas crianças terão bons exemplos a seguir? O que dizer de nossos representantes nos mais variados níveis da política pública?

O que vem à mente é justamente a nossa parcela de responsabilidade na formação desse clima onde não enxergamos esperança. De que forma podemos contribuir para amenizar os reflexos da baixa auto estima, elevando nossos pensamentos a um patamar superior de esperança?

Ao elevarmos nossos pensamentos ao universo, vibrando paz, equilíbrio, ética, discernimento, responsabilidade com a coisa pública, força e luz para direcionar as ações dos nossos representantes eleitos e que são responsáveis pelos destinos do país, contribuímos para que a espiritualidade possa utilizar-se dessas energias e atuar de forma mais efetiva por meio do pensamento e inspiração aos gestores públicos.

Que possamos ainda, vibrar pelas pessoas – habitantes do nosso amado Brasil – e que se encontram suscetíveis às energias maléficas que se aproveitam do momento em que as pessoas fortalecem os pensamentos negativos e de desesperança para aproximar-se e influenciar ainda mais.

Vibremos ainda, amigos fiéis, para que no nosso dia-a-dia sejamos exemplos de alegria, de positivismo, de esperança em um novo porvir. Que o mundo possa transitar para a nova era, limpo de carga negativa por meio das nossas ações, atitudes e principalmente exemplo, na busca da reforma íntima, da reversão de vícios – desde os pequeninos até os mais expressivos – um passo de cada vez.

Que a paz reine em nossos corações e se reflitam nas ações do nosso dia a dia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *