Vibração Coletiva (18/01/2017) – A Gratidão Sob um Novo Olhar

A Gratidão Sob Um Novo Olhar

Desde pequenos somos ensinados a agradecer por aquilo que as pessoas nos proporcionam, seja um favor, uma gentileza, um presente, etc. Quando imbuídos em alguma crença espiritualista aprendemos também a agradecer a Deus pelas graças que alcançamos, ou por aquilo que temos. Habituamos-nos a agradecer, a dizer obrigada, acontece que, em poucas vezes, realmente sentimos e vivenciamos a verdadeira gratidão.

Quando pronunciamos o obrigado de maneira mecânica, não passamos pelo processo do sentir, agradecemos porque faz parte da etiqueta, faz parte da nossa educação agradecermos a alguém que nos beneficia de alguma forma. A gratidão vista sob um novo ângulo nos impulsiona a um processo de reflexão sobre os acontecimentos, nos proporciona o agradecimento até mesmo para as situações difíceis em que nos encontramos, nos leva a aceitar que não estamos no comando de tudo, e que tudo o que vivenciamos nos serve como forma de aprendizado, de desenvolvimento.

A gratidão tem uma relação direta com a felicidade, pois nos torna mais fortes para lidar com as adversidades da vida. Começamos a olhar de forma inteligente para tudo o que nos acontece, nossos algozes se tornam professores, nossos problemas se transformam em soluções. Não é aceitar tudo o que nos acontece de forma passiva e indiferente, como se os acontecimentos não nos afetassem, mas sim tirar o melhor de qualquer vivência, aprendendo a enxergar a oportunidade de crescimento que nos foi proporcionada.

Especialmente neste ano de 2016, em meio ao panorama social, econômico e político do nosso país, aumentamos as queixas e lamentações e o agradecimento tornou-se escasso, mas a vida nos ensina que precisamos fazer das dificuldades, oportunidades de mudança (de sair da nossa zona de conforto). Durante a tragédia aérea que comoveu o mundo, recebemos exemplos de familiares dos envolvidos no acidente que demonstraram esse entendimento, essa compreensão sublime, pois diziam que não tinham do que reclamar, que não se revoltavam contra a sua fé, pois apesar da dor da perda, conseguiram enxergar o lado positivo, a gratidão por terem convivido com seus entes queridos e/ou por aquilo que aprenderam com essa convivência. Essas pessoas nos ensinam que a verdadeira gratidão é aquela que é praticada muito além do momento em que ganhamos algo, ela envolve o agradecimento até mesmo em situações de perda e de dor, e nos instiga a novos questionamentos, nos obrigando a prática da humildade, do reconhecimento de nossas fraquezas e do quanto ainda temos a evoluir.

Por isso, caros amigos, gostaríamos de encerrar esta mensagem importante convidando todos vocês a olharem com carinho para os acontecimentos de suas vidas, para que tentem enxergá-los de uma forma diferente, para que a hora de agradecer não seja mecânica e, consequentemente, transborde sentimento. Desta forma, seguiremos em frente 2017 ainda melhores e mais fortes, pois a gratidão é mágica e gera coisas maravilhosas em nossas vidas.
Então vamos aproveitar e agradecer, vivenciando verdadeiramente a gratidão, repetindo 3 vezes as palavras “sou grato”: “Sou grato, sou grato, sou grato!”

Muita paz e luz! Gratidão por estarem junto conosco nessa vibração de amor!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *