Roger Responde 116 – Ovóides e uso de dispositivos eletrônicos de obsessão

116 – Pergunta (05/03/2012): Roger, estou te escrevendo principalmente por que surgiu uma dúvida no nosso grupo de estudos. Estamos lendo “Sob o Signo de Aquário” e você descreve como são utilizados os ovoides em casos de obsessão. Eu entendi que a atrofia causada no corpo espiritual daquele que acaba assumindo a forma de ovoide seria voluntária, ou seja, o individuo escolhe prestar este “serviço”, mas alguns amigos entenderam que de certa forma estes espíritos são obrigados a se prestarem a isso. O que acontece na verdade? Gostaríamos também se possível de alguma indicação de outras obras que nos esclareçam mais sobre os ovoides e uso de aparelhos eletrônicos em casos de obsessão.


Roger: Os ovoides são espíritos que entram em um processo de interiorização e destruição inconsciente do corpo astral. Não são obrigados e também não o fazem conscientemente, por vontade própria. Isso ocorre devido a um sentimento de ódio e rancor muito intenso que lhes vai desligando da realidade gradativamente, aprisionando-os em um mundo íntimo de dor, revolta e vingança, até ficarem nesse estado peculiar de uma forma compacta e escura, parecendo um ovo de uns 30 centímetros. Nesse momento, perdem a sua identidade e relação com o mundo ao seu redor. Depois, espíritos do mal, chefes de falanges, aproveitam-se desse estado de “desligamento” do mundo real dessas entidades e os utilizam como usinas geradoras de ódio e rancor para atender seus propósitos sinistros. Esses espíritos nem sabem o que estão fazendo e nem para que fim. Eles apenas passam a gerar ódio indefinidamente de acordo com a intensidade da mágoa e do rancor que abrigam em seus corações, mantendo-os alheios ao mundo externo.

Um exemplo: uma pessoa que sofreu uma grave decepção e ficou traumatizada. Se não realizar orações e se focar nos ensinamentos do Bem para superar isso, ficará obcecada e revoltada, alimentando ódio e rancor a quem lhe fez mal. Quando ela desencarna e no astral não se liberta desse sentimento, o processo termina se agravando. Dependendo da intensidade desse sentimento e seu afastamento do amor, ela vai aprofundando o ódio até perder a sua conexão com a realidade que a cerca. Termina presa na cadeia de ódio e esquece-se de quem é, perdendo a sua identidade espiritual, desfazendo-se numa massa escura de ódio, que é chamada de ovoide. Os espíritos das sombras, se apropriam, então, desse ovoide (que para eles é apenas um objeto ou instrumento do mal) e conectam nos centros de força (chacras) de quem desejam prejudicar. O ovoide continua preso ao seu mundo interno, ou seja, ao seu ódio pela pessoa que o magoou no passado. Nem sabe quem é a pessoa a que foi ligado naquele momento. Mas as vibrações que gera são perniciosas e prejudicam a sua vítima como se fosse um terrível parasita.

Posteriormente, quando a Alta Espiritualidade entende que é o momento, essa alma é resgatada e tratada com as energias benéficas dos planos superiores e, pouco a pouco, é feita a recuperação de seu corpo astral. Mas esse é um processo lento e doloroso, que só se completa depois de várias encarnações onde esse espírito terá variados problemas físicos e psicológicos, devido a deformidade que causou em sua alma, resultante do ódio e rancor descontrolados que alimentou.

Uma excelente indicação de livro que fala sobre ovoides, e talvez o que seja o melhor, na minha opinião, é o livro “Libertação”, de André Luiz, psicografado pelo Chico Xavier. Eu acho esse o melhor livro da série que teve por origem a obra “Nosso Lar”, que chegou ao cinema em 2010.

Sobre aparelhos eletrônicos de obsessão espiritual e outras tecnologias mais modernas não saberia indicar literaturas a respeito do tema. Talvez no grupo de debates do UC-Brasil algum dos participantes saiba indicar. http://groups.google.com/group/uc-brasil

 

2 Responses
  • Lucilene
    set 5, 2014

    Roger, gostaria de saber se é possível um desencarnado sumir com um objeto ou alimento?

    [Reply]

    admin Reply:

    Olá Lucilene! Perguntas ao Roger devem ser encaminhadas para o email uc.novaera@gmail.com. Paz e Luz! Equipe UC

    [Reply]

    Lucilene set 5, 2014
    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *