Reino Unido anuncia proibição da venda de cães e gatos em pet shops

pet-shop-de-londres-2-1                Foto: Reprodução/Hypeness

 

As autoridades do Reino Unido (Inglaterra, Escócia, Irlanda do Norte e País de Gales) anunciaram a proibição em lei da venda de filhotes de cães e gatos em pet shops a partir de 2019.

Por meio de nota, o Departamento de Meio Ambiente, Alimentação e Assuntos Rurais (Defra) afirmou que a lei contribuirá para o combate aos maus tratos contra animais. “Quem deseja comprar ou adotar um cão ou gato de menos de 6 meses terá que procurar um criador ou abrigo”, complementa a nota.

De acordo com pesquisas de opinião, cerca de 95% dos cidadãos britânicos são favoráveis ao veto da venda de filhotes de gatos e cães em pet shops.

Em homenagem à cadela da raça Cavalier King Charles Spaniel, a lei será denominada Lucy’s Law. A cadelinha Lucy foi resgatada de uma ‘fazenda de filhotes’ no País de Gales no ano de 2013.

A lei estipula que os pet shops só poderão negociar com abrigos que respeitem o bem estar dos animais, ou diretamente com os criadouros.

De acordo com um levantamento da organização não-governamental beneficente Britain’s People’s Dispensary for Sick Animals, a PDSA, ao menos metade dos cidadãos do Reino Unido têm em casa ao menos um animal de estimação.

Em números, a população chega a 11,1 milhões de gatos, 8,9 milhões de cachorros, 1 milhão de coelhos e outros milhares de animais de outras espécies.

 

 

Fontes: https://razoesparaacreditar.com/animais/reino-unido-proibicao-pet-shops/

https://www.hypeness.com.br/2018/12/reino-unido-anuncia-proibicao-da-venda-de-caes-e-gatos-em-pet-shops/?utm_source=facebook&utm_medium=hypeness_fb&fbclid=IwAR0YUeLpFB5bIDvwHJZvgvtSmHJFf_L6Gm4pYrMaHzCYrMSlfGH6eWQkdYc

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *