Notícia da Semana – Médico de Florianópolis receita plantas medicinais para curar doenças

Alecrim para curar depressão, manjericão para uma boa digestão, hortelã para desobstruir o nariz e matar os vermes, babosa para melhorar a pele e lavanda para relaxar. Estes são alguns dos “remédios” receitados para quem passa por uma consulta com o doutor Murilo Leandro Marcos, 30 anos, médico da família no Centro de Saúde da Lagoa da Conceição, em Florianópolis.

Já na recepção os pacientes têm a disposição um vaso cheio de ervas, folhas e frutas que tem o poder de curar e prevenir doenças. Grande parte é plantado e colhido no jardim da unidade, um trabalho conjunto realizado entre o médico, funcionários do posto e a comunidade local, que existe há cerca de três anos, mas voltou com força total em 2014. Na plantação é possível encontrar couve, beterraba, hortelã, alecrim e outras plantas e flores. As folhas que caem de uma árvore próxima são aproveitadas para manter a terra úmida.

O consultório do médico meio hippie — diz brincando — tem paredes lilás, plantinhas, mel, mandala na parede e um ouvido aberto para escutar as dores do corpo e da alma de cada paciente. A medicina praticada por doutor Murilo na unidade desde 2011 é centrada nas pessoas:

— Cada caso é avaliado individualmente, vejo todo o contexto, a família, o local onde vive. Com isso busco um equilibro entre a medicina tradicional e a moderna, e a cultura do bairro aceita muito bem. Os remédios tradicionais têm muitos efeitos colaterais, e as pessoas já viram que um chá pode ser muito potente — explica.

As práticas integrativas desenvolvidas na unidade são todas regularizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O objetivo do médico e da equipe é transformar o posto em exemplo para todo o Brasil:

— Os moradores podem fazer acupuntura e outras terapias alternativas, participar de grupos de gestantes, fumantes, e isso envolve toda a comunidade. Futuramente queremos construir uma tenda de integração no espaço que temos no jardim, e a associação de moradores já avisou que vai contribuir — conta.

Para ler a notícia na íntegra, clique aqui.

2 Responses
  • Rosa Maria Bueno de Camargo
    ago 21, 2014

    parabéns!!!mais pessoas do BEM deveriam se preocupar com a saúde da população Que é tão desinformada! Que isso sirva de exemplo à outras capitais e funcione de verdade!!

    [Reply]

    Rosemary Reply:

    Ola!
    É muito interessante a reportagem, pois gosto de produtos naturais.Quais as plantas medicinais que ajuda a mulher no período da menopausa e esta sem lípido.
    Obrigada.
    Att.

    [Reply]

    Rosa Maria Bueno de Camargo ago 21, 2014
    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *