Roger Responde 212 – Egrégora, formas pensamento e psicosfera da humanidade. Como não ficar envolvido pela psicosfera de mesmice e alienação dos dias atuais?

212 – Pergunta (06/01/2014): Caro Roger, tenho três dúvidas acerca das quais solicito seus comentários, considerando que há relação entre elas: 1) Gostaria que você falasse (já que em uma de suas obras aparece tal assunto) sobre egrégora, apontando (se for o caso) a diferença/semelhança entre egrégora e forma-pensamento; 2) Você conhece alguma prática ou obra que auxilie na educação do pensamento? Tenho dificuldade em controlar meus pensamentos, e não raro me pego pensando em situações de violência, vingança, fantasias, devaneios, medos etc. Acredito que haja relação entre egrégora e esse tipo de pensamentos que me assolam. Sei que a meditação nos auxilia nesse sentido, mas tenho dificuldade em praticá-la; 3) Tenho sentido no ambiente uma psicosfera de mesmice, ao observar que as pessoas se encontram mergulhadas num círculo repetitivo, vicioso e envenenado, em que só se preocupam em comer a sua “feijoada cheia de carnes na sexta feira”, em “tomar sua cervejinha no fim de semana”, ou ainda em “verem o time tal ou qual ganhar do outro no jogo do domingo de tarde” ou “ver fulaninho dormindo com sicraninha na novela tal” e por aí vai… Há relação entre a egrégora e essa psicosfera nauseante? Paz e luz.

Roger: Eu também tenho essa mesma sensação e vejo isto refletido nas postagens das redes sociais. Ainda mais neste período de festas populares, como a virada do ano. Não sei dizer se os termos egrégora e forma-pensamento possuem definições diferentes. Ultimamente não tenho me apegado a estas terminologias. Apenas percebo que realmente a união dos pensamentos dos homens geram energias positivas e/ou negativas para o planeta, de forma incontestável. Uma prova disto é a vibração coletiva semanal do Universalismo Crístico que realizamos todas as quartas-feiras às 22 horas. Em reunião com os mentores espirituais, eles me apresentaram um panorama dos incríveis resultados positivos obtidos com essa simples iniciativa que une os pensamentos de milhares de pessoas pelo Brasil e alguns poucos em outros países do mundo, com o objetivo de irradiar elevados valores espirituais para a humanidade. Imaginem o poder dessa energia se realmente tivéssemos a união de milhões de pessoas… Mas estas milhões de pessoas estão focadas ainda em festas fúteis, carnaval, futebol e outros assuntos muito infantis para a época em que vivemos. Mas um dia isto tudo mudará. Tenhamos fé.

Quanto à questão de alguma prática para controlar os pensamentos, no livro “Universalismo Crístico Avançado” falamos sobre isto em vários capítulos. Basicamente devemos “desprogramar” as nossas mentes dos maus hábitos. No entanto, isto é bem difícil porque os meios de comunicação e o nosso meio social vivem nesta frequência, dificultando que tenhamos hábitos espirituais salutares. Por exemplo, é bem difícil não falarmos mal de nossos semelhantes já que os nossos amigos e familiares fazem isto o tempo todo e os meios de comunicação e redes sociais de Internet também. Basta ver a audiência dos programas de fofocas e os temas das novelas de maior audiência. As postagens mais curtidas nas redes sociais também são as mais alienantes e de natureza inferior.

Logo, é preciso uma determinação real para sair desta “egrégora” negativa de pensamento e comportamento. Policiar-se e procurar, através de boas leituras, focar-se em uma nova forma de pensamento e comportamento, mais elevada e equilibrada. Como estamos condicionados (viciados) em nos comportarmos e pensarmos da forma comum e infantil da sociedade, isso se torna algo bem difícil. Precisamos desfazer as conexões neuronais de nosso cérebro que respondem de forma vulgar e desprezível aos estímulos que recebemos do mundo ao nosso redor. E, ao mesmo tempo, passarmos a nos “reprogramar” sintonizando-nos com os hábitos espirituais positivos. À medida que insistirmos no comportamento positivo, isto cria novas conexões neuronais que estabelecem novos hábitos de comportamento, tornando-se fácil agir de forma elevada perante a esse mar de atitudes desprezíveis que são tão comuns ainda na humanidade do planeta Terra. O cérebro reflete e se programa diretamente com a influência da alma, tanto de forma positiva quanto negativa.

E, sem dúvida, há uma relação evidente entre a soma dos pensamentos alienantes e o entorpecimento geral do conjunto da sociedade humana. Uma questão alimenta a outra e vice-versa.

13 Responses
  • RICARDO IRAN
    jan 6, 2014

    ISTO É UM ASSUNTO COMPLEXO DEMAIS !

    Se a pessoa não ir a uma feijoada,..a Dona Maria ou o dono do restaurante deixa de faturar e de sustentar os seus filhos..pagar seus empregados…etc

    Se ninguem gosta-se de futebol,..teremos quantos desempregados ?…ja parou pra pensar quantas pessoas são envolvidas ? o quanto precisam do dinheiro no final do mes pra o seu sustento ?

    Tem gente que odeia shopping/consumismo….mas quantas familias são envovildas,…desde da faxineira que precisa trabalhar…os donos da lojas que geram emprego !!!

    Essa ENGRENAGEM da VIDA HUMANA,..É AINDA NECESSÁRIA !!!!

    ACREDITO QUE O SER HUMANO PODE SIM GOSTAR DA FEIJOADA, DA SUA CERVEJA/VINHO COM OS AMIGOS,….DO FUTEBOL
    E SER UM ESPÍRITO ESCLARECIDO. NADA O IMPEDI DE GOZAR CERTAS COISAS
    DA VIDA …DESDE QUE NO SEU ÍNTIMO PROCURE A ESSÊNCIA DE DEUS, SEJA
    CONSCIÊNTE DE QUE A VIDA HUMANA É PASSAGEIRA E O ESPÍRITO IMORTAL !

    [Reply]

    admin Reply:

    Agradecemos sua participação assídua Ricardo, mas, por gentileza, não utilize caixa alta em seus comentários. Abs! Equipe UC

    [Reply]

    Willian Cezar Nicola Reply:

    Quase sempre culpamos a mídia e os demais meios de comunicações por influenciar negativamente a sociedade. Mas o que ocorre é que o ser humano é ainda pouco evoluído espiritualmente e tende a se deixar levar pelas más paixões, de modo que, com ou sem novelas, futebol, filmes e jogos de violência, jornais sensacionalistas e sites de fofoca, entre tantas outras coisas, as pessoas poucos evoluídas espiritualmente, que são a grande maioria do nosso mundo, sempre encontrarão algo em que possam extravasar suas imperfeições. Dê uma faca para um cozinheiro e ele irá prepara o almoço; dê para um assassino e ele irá matar alguém. É claro que as pessoas já despertas para a espiritualidade sofrem com isso, pois há poucas que são capazes de compreende-las e de compartilharem de suas alegrias e angústias. Passam horas olhando para as estrelas ou simplesmente trancadas dentro dos seus quartos perdidas em seus devaneios e refletindo o porque de estarem aqui. Todavia, apesar disso elas tem o dever de usarem o conhecimento em prol dos irmãos menores, e a melhor maneira de ajudá-los é dando o exemplo, não fazendo críticas ou julgando, pois esses irmãos sempre reagem negativamente a isso, até pela sua própria condição espiritual. Lembremos sempre que Jesus não se trancou no interior das luxuosas igrejas, mas foi ao encontro dos sofredores e deu a eles uma nova maneira de pensar e ver a vida. E mesmo que tenha pago com a própria vida ele fez a diferença. Não precisamos ir tão longe. Basta compreendermos e esperarmos, pois com toda a certeza a humanidade ainda encontrará o seu caminho e viveremos em harmonia com as leis que regem o universo. Até porque, apesar de ser uma verdade, temos que considerar também que toda vez que pensamos na sociedade como sendo ela pouco evoluída e contrária aos valores crísticos, estamos também sustentando a ideia de que o mundo é um lugar ruim, e esse pensamento negativo encontrará outros semelhantes das quais criará uma corrente vibratória que nos sintonizará com o negativismo, mas como um agravante, nós temos conhecimento de causa. Uma boa semana a todos!

    [Reply]

    Carol Reply:

    Boa noite Ricardo,
    pelo q entendi da pergunta e resposta, não foi dito q é errado gostar ou desgostar de algo, que as pessoas deveriam parar de fazer isso ou aquilo, até pq cada individuo tem seu livre arbítrio. A questão é q as pessoas estão tão inseridas nessa engrenagem da vida humana que muitas vezes esquecem que cuidar do espírito e do próximo também é necessário.
    Mas, acho q o mais importante da perg/resp é refletir sobre a quantidade de lixo mental q nós estamos jogando na atmosfera da terra(por causa da nossa alienação espiritual), o q vem prejudicando a nossa evolução, a evolução da humanidade e desse querido planeta q nos acolheu.
    Abçs fraternos Ricardo
    Muita luz e paz p vc.

    [Reply]

    MARIA FONSECA SILVA Reply:

    Boa tarde.Orar e vigiar.Esta é uma das inúmeras senhas que Jesus nos ensinou.Orando nos conectamos com as esferas celestes.Vigiando,controlamos tudo que a nossa mente assimila.Não é fácil.Pois são muitos pensamentos.Selecionamos roupas,calçados,alimentos.Por que não selecionarmos os pensamentos que nos invadem?

    [Reply]

    RICARDO IRAN jan 6, 2014
    Responder
  • Sídney Brasil
    jan 6, 2014

    Talvez possa ajudar a esclarecer a diferença entre egrégora e forma-pensamento : Quando se pensa em algo firmemente, cria-se uma forma-pensamento no astral; esta, vai ter uma duração e nitidez equivalentes à força e persistência com que a criamos e mantemos. Egrégora, seria uma vibração ambiental criada e mantida por várias mentes; exemplo : Se você frequenta uma casa de oração, vai lá, normalmente, para entrar em contato com o Deus de sua compreensão; e os outros que lá vão também tem essa intenção; então, depois de um tempo, ao penetrar nesse ambiente, você já sente o clima mental do local, que seria a egrégora criada coletivamente pela junção das formas-pensamento semelhantes de seus frequentadores. Paz profunda !

    [Reply]

    Sídney Brasil jan 6, 2014
    Responder
  • Dulcezor
    jan 6, 2014

    Desde quando uma pessoa que toma álcool, come carnes e só pensa em futebol vai, no seu íntimo procurar a essência de Deus? Isso é raríssimo… No geral, quem tem estes hábitos são pessoas alienadas de uma verdadeira busca espiritual.

    Além disso, se formos nos preocupar com os desempregados, então deixemos proliferar a indústria tabagista, a indústria do petróleo no Ártico, a indústria de matança dos animais que são nossos irmãos menores e a indústria do desmatamento… etc…

    A verdade é que muito poucas pessoas querem realmente fazer um sacrifício para eliminar hábitos anti-evolução espiritual. Jesus mesmo disse: “Ai dos mornos”. Ele sabia que o mundo ia chegar onde chegou e que a inércia iria tomar conta da humanidade…

    [Reply]

    MARIA FONSECA SILVA Reply:

    Jesus nos ensinou a orar e vigiar.Orando nos conectamos com as esferas celestes.Vigiando,controlamos os pensamentos que querem invadir nossa mente.Vamos escolher apenas os pensamentos bons.

    [Reply]

    RICARDO IRAN Reply:

    Dulcezor,

    Este é o mal dos espíritas !

    o mal julgamento !!!

    Achar que aquele que toma sua cerveja, vai a um jogo do seu time,..come carne
    esta afastado de Deus…

    Conheço centenas de casos, que estes que nós julgamos que bebem, etc…

    Na hora que um irmão teve uma extrema necessidade de socorro, foram estes que estenderam a mão…enquanto isso, eu mesmo presenciei os ditos seguidores da doutrina
    espírita,….do Mestre Jesus,…virarem as costas !

    Essa forma de pensar é um equívoco ! achar que quem vai a um bar beber esta afastado
    de Deus !!!…mencionar que são pessoas alienadas de uma verdadeira busca espiritual !

    Irmão !

    Colocar uma batina e rezar missa dia e noite
    Colocar um manto laranja de budista
    Colocar um terno e andar com a biblia na mão pregando
    Colocar uma roupa branca, quelê e guias depois de fazer o santo !!!
    Ler o evangelho segundo o espíritismo de Kardec !!!

    É fácil de demais !

    Como o irmão Roger disse :

    Ao passarmos para o outro lado da vida, não nos será perguntado a que religião,
    pertencíamos ! E sim qual o bem que fizemos !!!

    Não seremos julgados e não nos perguntarão que bar frequentávamos, a que jogo íamos
    e se comíamos carne…. !

    E sim a que irmãos nós estendemos a nossa mão , se recebemos nossos semelhantes
    com sorriso nos lábios, ternura no olhar e compaixão com a alma ……….

    [Reply]

    Dulcezor jan 6, 2014
    Responder
  • Julio Cesar
    jan 8, 2014

    Bom dia!

    Não sei se a minha resposta foi enviada ou não, assim, vou enviar de novo.

    Primeiramente Roger, gostaria de parabenizá-lo pela brilhante resposta.

    Não sei se os amigos são membros do grupo UC Brasil, pois existem muitos que apenas “ouvem” o que é debatido. Alguns dos temas acima foram bastante debatidos mas é sempre bem vinda uma opinião diferente, que tende a acrescentar lho ao nosso conhecimento. Convido aqueles que não são membros a se aderirem ao grupo e apresentar estes temas para debate.

    Finalizando e adiantando um dos temas acima, não vejo nenhuma incompatibilidade entre torcer pelo melhor time do mundo, o Flamengo, é claro, e buscar a Deus na sua essência. Tenho feito isto toda a minha vida e estou aqui, na luta, como tantos outros.

    Um abraço e paz!

    [Reply]

    admin Reply:

    Olá Julio. Os comentários não entram automaticamente pois são moderados individual e manualmente, portanto, podem demorar um pouco a aparecer. Abs! Equipe UC

    [Reply]

    Julio Cesar jan 8, 2014
    Responder
  • Patricia
    jan 12, 2014

    Gostei das mensagens de todos, é um bom conteúdo para se refletir.
    Sobre a resposta que o Ricardo deu para a Dulcezor, fiquei pensando, buscar a espiritualidade não é só fazer o bem esporadicamente. Vai mais além, é querer se transformar para melhor, é evoluir em todos os sentidos. A pessoa encontra isso dentro ou fora das religiões, mas é preciso esforço e dedicação do indivíduo, pois essa transformação se reflete no dia-a-dia, no trato com as pessoas, na importância da natureza, no planeta, em tudo.
    Daí entra a preocupação com a alienação espiritual. Uma pessoa que trabalha oito horas por dia, volta pra casa para assistir TV ou vai para o happy hour ou baladas, no final de semana só pensa no futebol e churrasco, está fazendo algum esforço para se melhorar espiritualmente? Ela pode ter boas ações mas ela está se empenhando em melhorar a cada dia? Em pensar somente no bem, não criticar, não julgar, não ter preconceitos, cuidar para não ferir com palavras ou atitudes…
    Pra isso tem que ter tempo e dedicação.

    [Reply]

    Patricia jan 12, 2014
    Responder
  • Karina
    jan 31, 2014

    Indico a leitura do livro – O Poder do Agora, autor Eckhart Tolle.

    [Reply]

    Karina jan 31, 2014
    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *