Honestidade de ambulante do Senegal no Rio comove web

senegales-devolve-closeFoto: reprodução / Facebook

 

Em apenas dois dias, o post da história do senegalês – que trabalha como ambulante no Rio de Janeiro – foi curtido mais de 354 mil vezes e compartilhado por 70 mil pessoas no Facebook.

O ambulante Moussa, de 30 anos, foi vender óculos de sol para a auxiliar administrativa Juliana Figueiredo, de 27, na praia da Barra. Ela comprou, mas houve um erro de digitação na maquininha de cartão. Em vez de cobrar 35 reais, foi debitado o valor de 350 reais.

Juliana não percebeu: “Usei o cartão e na claridade, nem vi valor… como tento salvar o mundo, nunca peço a 2°via do comprovante! Ele se foi e eu continuei a beber minha cerveja”, contou em seu perfil no Facebook.

De repente, o Senegalês volta correndo, apavorado, tentando falar algo que Juliana não entendia.

“Se passaram alguns minutos e lá vem ele. Desesperado! Dizendo que “vender óculos 350,00”. Eu ri sem entender, e ele insistindo, nervoso… “. Ela só compreendeu o que havia acontecido quando entrou no app do Banco e viu o débito de 350 reais.

“Quase infartei. Ele usa a máquina da pagseguro que só deposita o valor no dia seguinte. Ele chamou outro colega que falava português melhor, e me explicou o que fazer… pediu desculpa, jurou que não foi por maldade… gente, se ele não volta eu nem ia saber!”, escreveu.

Acabou dando tudo certo. O valor foi estornado: “Falei pra ele cobrar 50 e me devolver 300. Assim ele fez”.

Recompensa

“É bom a gente poder ajudar, além de ser ajudada. Ele me fez um favor e agora quero ajudá-lo”, disse Juliana em entrevista ao SóNotíciaBoa.

Agradecida, primeiro ela decidiu dar uma pequena recompensa a Moussa por seu ato de honestidade. Na verdade, o presente foi para o filho dele.

“A foto do zap dele é um menino, perguntei se era filho dele, ele disse que sim. Comprei um carrinho de 20,00 e levei pra ele. O sorriso que ele deu, mudou meu dia. Ele ficou mais feliz por eu ter levado o carrinho, do que ter dado um dinheiro a mais”.

“Eu não tenho palavras pra agradecer a honestidade dele, que mesmo na sua dificuldade, preferiu fazer o certo… ainda existem pessoas boas. Ainda existe esperança. Ainda há fé num mundo melhor.
Espero que atitudes como essas, se multipliquem!”, escreveu Juliana no Facebook.

Emprego

Depois da recompensa, a jovem decidiu pedir ajuda para o senegalês, que está desempregado.

“GENTE, ELE E O AMIGO PRECISAM MUITO DE EMPREGO. SE ALGUÉM SOUBER DE ALGO, POR FAVOR, ENTRE EM CONTATO! A FAMÍLIA DELE AINDA ESTÁ EM SENEGAL.. ELE É SOZINHO AQUI E SÓ QUER UMA OPORTUNIDADE!.”, finalizou Juliana.

 

Link original da notícia: http://www.sonoticiaboa.com.br/2018/07/04/ambulante-senegal-devolve-valor-cobrado-mais-rio/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *