Notícia da Semana – Conheça a história da menina francesa que viveu na selva africana. Veja fotos e vídeo.

Tippi Degré nasceu em junho de 1990 quando os pais dela, os fotógrafos Sylvie Robert e Alain Degre, trabalhavam na Namíbia, África, como freelancer para registar a vida selvagem no continente africano. A menina cresceu entre os animais mais assustadores da fauna mundial, e no livro publicado posteriormente pela mãe, a menina afirma que se tornou “irmã” de um elefante e melhor amiga de um leopardo.

Tippi não tinha muita convivência com outras crianças, exceto quando os pais visitavam algumas tribos pelo país, onde eram muito bem recepcionados e aceitos. O trabalho durou 10 anos, mas neste período, os pais fizeram questão de registrar a amizade de Tippi com os animais.

Os pais também documentaram a vida da menina e no ano passado publicaram um livro entitulado de “Tippi: My Book of Africa”. Depois de viver na Namíbia, a família se mudou para Madasgar e por fim retornaranm à França. Atualmente a garota cursa cinema na Universidade Sorbonne Nouvelle em Paris e tem um site oficial onde registra os documentários que faz na África para o Discovery Chanell. Veja fotos e vídeo.

Por: Tábita Martins

 

Reflexão

“É possível notar nas crianças da Nova Era sinais como, por exemplo, um amor incondicional aos animais de estimação, que se sentem atraídos por elas também. O fato de não “matar” uma formiga no jardim, uma predileção por comidas mais naturais, aversão à alimentação carnívora…” Universalismo Crístico (p. 260)

 

Colaboração: Rosi – Universalismo Crístico MG

Fonte: veja aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *